Tirando o pó do blog, da escrita e escrevendo com o coração!

Muitas coisas me inspiram e poucos pessoas me inspiram de um jeito inexplicável. Me inspiram a escrever uma história – que, ultimamente, nem começam por insegurança -, uns versinhos aqui ou ali, mas não passa disso. Desde sempre, eu tenho uma vontade de me amar, mas ultimamente a vontade esta ainda maior e a partir disso, tenho vontade de começar a conseguir escrever sobre isso. Sim, é um desafio. Como disse, poucas pessoas me inspiraram de um jeito inexplicável. Poucas, mas elas existem. Na sexta-feira, eu resolvi entrar no site do Luan Felipe (o Luan faz vídeos para o YouTube, no Show do Luan) e, o modo como ele escrevia, como ele falava da história dele. E isso me inspirou. Me inspirou a ser feliz da minha forma, do meu jeito e meu corpo. Me inspirou a voltar escrever. Me inspirou a por em prática, algo que ja estava em minha mente a muito tempo (isso falaremos depois). Olhe o site dele, é incrível!
Além disso, me inspirou a falar sobre isso, que a muito tempo, estava grudado na garganta, mas transformar em palavras era o difícil.
Grande parcela também se deve a Hariana, dona do hrnmnk, que consegue transmitir grande parte dos meus sentimentos em palavras. Obrigada, Hari.
Então, vamos lá.
Se a gente parar para ver, nem precisa de tanta atenção assim, a gente vive em meio aos padrões. E quebrá-los é algo aparentemente impossível. Só aparentemente. Tudo precisa ser em seu devido lugar. Nenhuma gordurinha a mais ou a menos. E se espalha ainda mais com a mídia. E o pior de todo esses padrões e influências é que: somos EXTREMAMENTE afetados por ela. Ora, sim, você é, eu sou. E se somos, é que damos espaço a eles. Sem perceber, muitas vezes.
A política da perfeição só existe em teoria, na prática nunca vi nenhum relato, e porque temos que segui-la?
As pessoas são mais que um corpo definido, sem gordura ou sei la mais o que. Existe algo chamado essência, e eu te digo, isso vale mais do que qualquer corpo “perfeito”.
O que se encaixa perfeitamente nesse post é a música All About a Bass, da Meghan Trainor, que duvido que você não tenha escutado ainda.

“But I’m here to tell you that
Every inch of you is perfect from the bottom to the top

Tradução:

“Mas estou aqui para te dizer que
Cada parte de você é perfeita de lá de baixo até o topo.”

Pois então, não digo que essa consciência de se aceitar é assim, de um dia para o outro, é um dia após o outro, no qual, a gente tem uma tarefa a realizar: se amar. Emagrecer não precisa ser prioridade, se desesperar em uma dieta não precisa ser prioridade (a não ser que seja por questões de saúde), a gente tem que para de se deixar levar pelos padrões e ser feliz. Estou no início, bem início, de um caminho que sei que será MUITO longo, mas se tem vontade, é possível!

Foi um desafio escrever isso aqui, e não escrevi metade do que eu queria, mas já é um bom começo.

Um beijo, até a próxima!
Mila.

Anúncios

Um comentário em “Tirando o pó do blog, da escrita e escrevendo com o coração!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s